Exercícios& 
Fisioterapia Vol 1 & 2
Últimos Artigos
Participe da Lista de e-mails
Categorias

Exercícios e Osteoartrite



Um artigo muito interessante que foi publicado dia 16 de março de 2019 conseguiu demonstrar a importância dos exercícios na inibição da sinalização inflamatória da cartilagem articular.


O artigo de Fu et al. intitulado Mechanical loading inhibits cartilage inflammatory signalling via an HDAC6 and IFT-dependent mechanism regulating primary cilia elongation, estudou como os condrócitos (as células da cartilagem) respondiam a sobrecarga mecânica. Esta sobrecarga apresentou um mecanismo de ativação da proteína HDAC6 e redução ou até supressão de sinalização inflamatórias.


Muitas vezes nos deparamos com pessoas nos dizendo que estão proibidas de subir escadas, de correr ou pior, o pior que já ouvi, “ O médico me disse que eu não posso mais fazer agachamentos!” e assim eu pergunto (aprendi com um colega), mas me diga como você vai no sanitário se não pode agachar? faz suas necessidades em pé? A resposta para esse questionamento é sempre… eu não tinha pensado nisso… hehehe


É incrível como muitas pessoas enxergam o exercício como alguma coisa que machuca o corpo que é danoso, mas já estamos no século XXI, e a maior parte dos médicos estão tirando os seus Antolhos (aquela peça de couro que restringe a visão nos equinos).


Essa visão está mudando juntamente com este tipo de pesquisa onde os benefícios do exercício e da sobrecarga são comprovados por ensaios em laboratório, o artigo de Fu e colaboradores está disponível na integra aqui: https://www.oarsijournal.com/article/S1063-4584(19)30902-1/fulltext


Em resumo os condrócitos e a cartilagem foram expostas a um ciclo mecânico de sobrecarga na presença e ausência de citosina IL-1b. Óxido nítrico e prostaglandinas foram monitoradas como sinalizadoras da IL-1b ao passo que Sulfatos de glicosaminoglicanos eram a marcação para degradação das cartilagens.


A sobrecarga mecânica acabou por suprimir a liberação de Óxido Nítrico e das prostaglandinas prevenindo a degradação da cartilagem. O estudo conclui que o estresse mecânico pode suprimir a sinalização pró inflamatória parcialmente dependente da ativação da HDAC6.


Simplificando para nós que não somos bioquímicos, o exercício executado de forma moderada, bem controlado, e periodizado pode trazer ótimos benefícios para redução da dor e melhora das condições das cartilagens com problemas inflamatórios, uma ressalva deve ser feita, que o artigo não aborda nada sobre problemas ou má formações genéticas nas articulações.


Contato

© 2014 by Fisioterapeuta Lucas Job 

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

Entre em contato comigo por aqui

terei prazer em responder a qualquer 

dúvida

Visite nossas redes sociais:

Nome *

Email *

Assunto

Mensagem